Crítica: “From a Distance” – Not A Good Sign

From A Distance

From a Distance
Artista: Not A Good Sign
Data: Fevereiro, 2015
Editora: AltrOck

“From A Distance” é o segundo álbum de originais da banda italiana Not A Good Sign, um projecto paralelo de músicos das bandas avantgarde Yugen, Ske e La Coscienza di Zeno. Ao contrário do que se passava naquelas bandas, de música mais experimental e vanguardista, Not A Good Sign tenta reviver os sons clássicos dos anos 70.
 
Não espanta assim que ouçamos, em “From A Distance”, música que se define por um forte virtuosismo, em temas onde se detecta a influência de bandas como ELP ou King Crimson. Cantado em inglês, o álbum é marcado pela forte presença de pianos, sintetizadores, órgãos Hammond, mellotron, remetendo para um som retro, ou mesmo para paisagens sinfónicas mais modernas, como já haviam feito os Änglagård. Com dez canções acessíveis (incluindo mesmo algumas baladas), e melodias vocais de sensibilidade pop, os Not A Good Sign conseguem uma interessante síntese de som clássico e moderno, entre complexidade e simplicidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s